terça-feira, 6 de setembro de 2011

"Vejo td mundo idolatrar as mães...
Mas eu estava bem quieta no meu canto e lá veio a minha remoendo o passado, ela mesma diz q não adianta, mas parece disco enguiçado: sempre enrosca no mesmo lugar.
Minha culpa se ainda me incomodo tanto com o q ela fala e do jeito como fala, cobrando atitudes e explicações.
Mãe, vcs tb tiveram sua parcela de culpa (se é q devo usar essa palavra), mas é a sra q esta cobrando, não eu.
Que bobagem, tanta coisa pra gente conversar...primeiro uma devia conhecer a outra, pq não nos conhecemos.
O futuro a Deus pertence, vamos nos preocupar com o presente. Por favor, pare de ser repetitiva, isso acaba nos afastando cd vez mais, pq uma não tem prazer na companhia da outra. Vamos morrer sem nunca termos conversado..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário