segunda-feira, 19 de julho de 2010

Reforma: parte I

Gente, cara de pau tem limite.
Como vcs sabem, acabei de voltar pra casa depois de uma longa temporada fora. Minha familia havia me alertado q qdo chegasse iria encontrar a casa em reforma, mas qdo cheguei confesso que me assustei: nada estava no lugar que estava qdo sai daqui ha quase 1 ano. Mas o pior: a casa cheia de pó de cimento, minhas roupas de frio empacotadas cheirando a guardado, não achava nada, areia pra td lado...caos total. Consegui ficar 2 dias na casa da mãe, mas precisava retomar minha rotina, mil coisas pra decidir, transferencia de tel, celular, internet...vcs sabem como é e qto tempo toma. E ainda fazer td isso no meio de uma suuuuper reforma: ninguem merece. Mas essa ainda é a primeira parte da reforma. Nessa fase, ainda estávamos inocentes: muita água ainda ia rolar.
Precisamos chamar um pedreiro indicado pela loja de materiais de construção pra tocar a obra, pq o nosso amigo já estava ocupado com outro serviço.
Era gente boa, prestativo, organizado, limpo...era o q parecia.
Na primeira semana de obras, td ok: chegava cedo com os ajudantes, trabalhavam o dia td, deixavam td limpinho...mas na sexta-feira pediu um adiantamento pra pagar os ajudantes, e....SUMIU ! É isso mesmo minha gente, deu o cano até nos ajudantes, q chegaram na 2ªf pra trabalhar e ficaram de braços cruzados pq o fulano não veio ! Ligamos no cel do infeliz, nd. Tentamos a loja q o indicou: nd. Como nunca ninguem sabe aonde esse povo mora (os ajudantes sabiam, mas não quiseram entregar), perdemos um dia de serviço. Na 3ªf, nem sinal da criatura. Só 2 ajudantes vieram, mas não fizeram grande coisa (e ainda não estava chovendo, e minha casa toda destelhada). A previsão do tempo dizia que iria chover na 6ªf.
Finalmente, na 4ªf ele resolveu dar o ar da graça. Inventou mil desculpas (as más linguas disseram q a culpada foi a cachaça), mas ele negou de pé junto. Resolvemos dar um voto de confança, já q ele garantiu q até 6ªf a casa estaria recoberta novamente. Realmente ele trabalhou naquele dia, e na 5ªf tb. 
Eu estava até feliz: em 2 semanas estaria td acabado, a casa pronta, poderia chamar o pessoal pro churrasco do retorno, pro aniversário e bola pra frente. Mas nunca é do jeito q a gente pensa ne? E o FDM não veio trabalhar na 6ªf...nem ligou, não justificou e nem ligou o celular, simplesmente não deu as caras. Os ajudantes vieram, e novamente não fizeram grande coisa, pq quem sabe do serviço é o infeliz mesmo. Ninguem conseguia falar c/ o dito cujo, de novo.
No sabado, o grau de desespero era grande, se chovesse minha casa virava uma grande piscina. O jeito foi improvisar: chamamos nosso amigo (aquele q tava c/ outro serviço) pra cobrir a casa com lona caso chovesse.
Pra isso, precisamos dispensar os ajudantes do pedreiro furão. E parece q São Pedro só estava esperando essa providência pra mandar chuva: e veio chuva forte. Esfriou. E o pedreiro cara de pau não veio nem pra buscar as ferramentas.O dono da casa de material de construção disse q qdo ligava pro cel do infeliz, ele só atendia c/ a voz mole pela pinga: q não dizia coisa c/ coisa.  
Nós já estavamos amargando o atraso na obra, o prejuizo do aborrecimento, da lona e do adiantamento (grana) dado pro sumido. Alem disso, a lona não deu total/ conta do recado, e ainda tivemos uma infiltração básica numa das paredes...
Essa semana era pra recomeçar a obra, mas por causa da chuva, o pedreiro amigo se atrasou na outra obra tb e avisou q não poderia vir: mais 1 semana de atraso aqui no "circo".
Pra completar o BO, chega aqui o ex-sumido na maior cara de pau, todo marrudo dizendo q o serviço só não ficou pronto pq dispensamos os ajudantes dele, aqueles mesmo, que qdo ele não estava não faziam nd pq não sabiam fazer o serviço. Disse q não era culpa dele, q por causa dos outros serviços desligou o celular. Então pq vc não veio nem fiscalizar a obra fulano? Tem desculpas pra td o FDP...respostas na ponta da lingua, deve estar tão acostumado a ter q se justificar...o malandro.
Pelo menos tirou as tralhas dele do meu quintal, mas ainda queria fazer o serviço, qdo viu q não ia rolar, disse q queria receber: o cara abandona a obra pra beber e ainda quer q a gente pague pelo q ele deveria ter feito e não fez !!!! É muita cara de pau !
Pior q a novela ainda não acabou ne. Enquanto isso o carro está dormindo na rua, a casa está sempre suja, meu telhado ainda está sem telhas e qdo alguem fala em chuva, até me arrepio de medo...tem cimento até nas cachorras. Talvez, se não chover, a obra recomece na semana que vem. e só Deus sabe qdo vai terminar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário